Árbitro de partida do Galo foi indicado para melhor do mundo

0

Após dois empates na Copa Libertadores, o Galo venceu o América por 2×1 pela torneio e também eliminou seu rival da competição. Com os 3 pontos conquistados na noite do último dia 3, o Galo assumiu a liderança do grupo D com 8 pontos.

Depois de três jogos pelo Brasileiro, o Atlético volta a campo pela Libertadores na próxima quinta-feira (19), quando receberá o Independiente Del Valle, no Mineirão. A partida terá arbitragem do árbitro uruguaio Esteban Ostojich.

Esteban é um árbitro experiente, o uruguaio já esteve no comando de seis jogos na temporada 2022: três pelo Campeonato Uruguaio, um pela Copa Sul-Americana e dois pela Libertadores. Em novembro de 2021, ele foi indicado pela IFFHS para a lista dos 23 melhores árbitros do mundo.

Junior Alonso explica problemas defensivos do Galo

Na noite da última quarta-feira (11), o Atlético chegou seu quarto jogo sem vitória no Campeonato Brasileiro ao empatar em 1×1 com o Bragantino, são 3 empates e 1 derrota. Se somarmos a Copa Libertadores à conta, são 4 empates, 1 derrota e apenas 1 vitória nos últimos seis jogos.

Algo que ajuda a explicar essa sequência de resultados ruins é o número de gols sofridos pelo Atlético: 9 nos últimos 6 jogos. Se a defesa não funcionou, o ataque segue produzindo, tendo marcado também 9 gols e evitando que o desempenho fosse pior.

O gol marcado pelo Bragantino ontem, ajuda a exemplificar um pouco desse problema que o Atlético vem sofrendo nas últimas partidas. A equipe de Bragança precisou de apenas uma finalização no alvo para abrir o placar, foi também o único chute no gol dado pelo Redbull em toda a partida.

Durante o ano de 2021, o Atlético tinha uma das melhores defesas do Brasil, tendo inclusive sido campeão Brasileiro com a melhor defesa do campeonato. Em entrevista coletiva concedida na Cidade do Galo, o zagueiro Júnior Alonso falou sobre a diferença da equipe de 2021 para equipe de 2022:

“Eu acho que o estilo de jogo é diferente, ano passado a gente não fazia tanto no ataque. Fazíamos muitos gols, mas da forma como estamos criando nesse ano, comparado com o ano passado é diferente. Também a gente está ficando mais exposto, é normal. Algo mais ou menos assim aconteceu em 2020.”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco