Atlético-MG divulga nota sobre polêmica envolvendo Hulk

0

O atacante Hulk, do Galo, se envolveu em um lance polêmico com o volante Willian Farias no empate em 2×2 com o Coritiba no último dia 23. Em uma disputa de bola, o camisa 7 acaba tentando agredir o jogador do Coxa e é advertido com um cartão amarelo.

Ontem (10) o atacante foi denunciado ao STJD por conta do lance e será julgado de acordo com o artigo 245a que se refere à agressão física. Caso condenando o atacante pode pegar um gancho de quatro a doze jogos.

Hoje (11) o Atlético veio à público falar sobre a denúncia sofrida por seu atleta, o clube fez questão de ressaltar que encarou com perplexidade a ação do STDJ e ainda definiu a iniciativa com exdrúxula, tendo em vista apenas prejudicar o Galo.

Outro ponto levantado na nota é a falta de isonomia, segundo o Alvinegro, o STJD tem feito vista grossa para ações irregulares de outros clubes. Além disso, o Galo também critica o motivo da ação que segundo o clube, só ocorreu por conta das reclamações feita por Gabigol sobre o lance nas redes sociais.

Confira a íntegra da nota publicada pelo Atlético-MG

“O Atlético recebeu com perplexidade a notícia de que o atleta Hulk será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), pelo lance ocorrido na partida contra o Coritiba, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro.

É inaceitável que a Procuradoria do STJD, que deve primar pela isenção e pela imparcialidade, tenha se prestado ao papel de fazer tal denúncia, oferecida pelo Sr. Rafael Bozzano, claramente motivada por desejo de prejudicar o Clube Atlético Mineiro.

É inadmissível que uma postagem infeliz de um atleta rival, em uma rede social, possa motivar denúncia por parte de um procurador do STJD.

A denúncia já seria absurda em qualquer qualificação, quanto mais a de agressão física. Em campo, inclusive com a presença de árbitro de vídeo, o lance foi analisado e o jogador punido com cartão amarelo.

A propósito, o mesmo interesse e agilidade não foram vistos quando o ônibus do Atlético foi apedrejado em Curitiba, na decisão da Copa do Brasil, em dezembro de 2021 (fato gravíssimo e de pleno conhecimento da Procuradoria do STJD), quando o órgão, por razões inexplicáveis, simplesmente perdeu o prazo para fazer a denúncia.

O Atlético não aceitará calado iniciativas esdrúxulas como essas e fará o que for possível para revertê-las, bem como impedir que motivações pessoais voltem a macular as competições nacionais.”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco