Galo terá que passar por cima de carrasco para se classificar na Libertadores

0

Quando entrar em campo contra o Palmeiras na próxima quarta-feira (10), o Atlético-MG terá que exorcizar alguns fantasmas de sua história recente, uma vez que no ano passado foi eliminado pelo Verdão da Copa Libertadores com dois empates.

Na última quarta-feira (3), o Galo empatou em 2×2 com o Palmeiras no primeiro jogo das quartas de final da edição de 2022 do torneio continental. Assim como em 2021, o Galo perdeu diversos gols, chegou à sair na frente do placar e acabou cedendo o empate ao clube paulista.

Para se classificar a próxima fase o Atlético precisa vencer o Palmeiras por qualquer placar, em caso de empate por qualquer número de gols a vaga será decidida no pênaltis, já que a regra do gol qualificado que eliminou o clube em 2021, não existe mais.

As semelhanças do confronto deste ano com o do ano passado não param nos resultados e no adversário, o juiz do jogo de volta também será o mesmo que apitou o 1×1 no Mineirão em 2021. O árbitro colombiano Wilmar Roldan foi novamente escalado para apitar o duelo.

Wilmar Roldan também apitou título do Galo na Libertadores

Se no ano passado Roldan estava no comando do apito na eliminação do Atlético, em 2013 ele apitou o jogo mais importante da história do alvinegro. Foi sua à arbitragem do segundo jogo da final da Copa Libertadores em que Galo se sagrou campeão continental pela primeira vez.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco