Otávio abre o jogo sobre sequência no Atlético-MG

0

Contratado em fevereiro pelo Atlético-MG, o volante Otávio retornou ao Brasil depois de 8 anos na Europa com o desejo de ser notado pelo técnico Tite. Apesar disso, ele encontrou no Galo a concorrência de Allan e Jair, dois dos melhores volantes do país e acabou não tendo muitas chances na equipe titular. No total foram 19 jogos, mas apenas 7 começando entre os 11 iniciais.

O camisa 5, voltará a ser titular no jogo contra o Flamengo amanhã (22) por conta de uma lesão de Jair(fora por tempo indeterminado), destaca que a sequência será importante para ele:

“Claro que quando você tem uma sequência iniciando a partida, não só sua confiança, mas sua dinâmica, o que você tem para entregar o clube é bem mais natural. Quando você tem que entrar faltando 5,10, 15 minutos, cada partida pede algo diferente. Quando se inicia todos os jogos, já se tem um padrão que é da equipe e você precisa desenhar o seu melhor futebol. Sem dúvidas será muito importante (essa sequência de jogos) e tenho certeza que vou ajudar.”

Otávio também afirmou estar feliz e adaptado ao Atlético, mesmo com a falta de minutos e que espera conquistar mais objetivos até o fim do ano:

” Me sinto feliz, me sinto muito bem dentro de campo, nesse pedido que já estou no clube com as conquistas e com objetivos que tenho em mente para mais a frente continuar conquistando e pregando coisas para o clube.”

Otávio explica como funcionará parceria com Allan

A tendência é que contra o Flamengo, Otávio tenha a companhia de Allan, que assim como ele também é primeiro volante. Perguntado sobre como vai funcionar essa parceria, uma vez que ambos tem características defensivas, o camisa 5 afirmou que não existe um ficar atrás e o outro na frente, que tudo irá depender das situações de jogo:

“Dentro do meio campo, os dois jogadores de meio tem que estar dispostos tanto na parte defensiva, quanto na parte ofensiva, tem que ter aquela troca, tanto da minha parte, quanto da do Allan. A gente não aquela característica de deixar um na frente e outro atrás, claro que nas situações do jogo, um vai ficar um pouco mais atrás e outro um pouco mais a frente.”

O volante ainda destaca que o time tendo ele e Allan no meio ganha uma consistência defensiva maior:

“Quanto ao Allan, se a gente vier a jogar junto, sem dúvidas será muito bom para a parte defensiva da equipe. Para que a gente possa trabalhar cada vez mais nossa dinâmica dentro de campo e possa ajudar tanto na parte defensiva, quanto ofensiva para conquistar os resultados positivos que são o nosso maior objetivo.”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco