Ex-jogador do Galo faz revelação surpreendente: “sou bissexual”

0

O volante Richarlyson foi um dos grandes jogadores do futebol brasileiro na primeira metade do século 21, tricampeão Brasileiro, bicampeão da Libertadores e campeão mundial, mas mesmo assim, nunca foi reconhecido pelo que fazia dentro de campo, mas sim por quem era fora dele.

O jogador sempre teve que responder perguntas sobre sua sexualidade e durante os melhores momentos de sua carreira, chegou a ser ignorado por torcedores por conta disso. Ao longo de toda sua carreira Richarlyson nunca abriu o jogo sobre tal assunto, mas em entrevista ao podcast “Nos Armários dos Vestiários”, do GE, o ex-jogador e comentarista revelou ser bissexual:

“A vida inteira me perguntaram se sou gay. Eu já me relacionei com homem e já me relacionei com mulher também.[…]Pelo tanto de pessoas que falam que é importante meu posicionamento, hoje eu resolvi falar: sou bissexual. Se era isso que faltava, ok. Pronto. Agora eu quero ver se realmente vai melhorar, porque é esse o meu questionamento.”

Richarlyson se tornou o primeiro jogador a atuar na Série A e na Seleção Brasileira a assumir ter tido qualquer tipo de relação com pessoas do mesmo sexo. Para ele, sua carreira poderia ter sido maior não fossem os questionamentos sobre sua sexualidade:

“Com certeza minha carreira poderia ter sido muito melhor em termos midiáticos por aquilo que eu construí dentro do futebol se não tivesse essa pauta (sexualidade). […] Mas questionamento de que poderia ser melhor? Sim, poderia. Não vamos ser hipócritas de dizer que não poderia se tivesse uma pauta maior sobre o que eu conquistei e não sobre essa questão, que era muito polêmica, ainda mais na minha época, né? “

Relembre a passagem de Richarlyson pelo Galo

Richarlyson chegou ao Atlético em 2011, contratado junto ao São Paulo. O volante em um primeiro momento não foi unanimidade na torcida por conta dos questionamentos envolvendo sua sexualidade. Apesar disso, ele rapidamente se tornou titular da equipe, tendo feito sua estreia contra o River Plate do Uruguai.

Em 2012 ele se tornou peça importante do esquema de Cuca, que o usava tanto na lateral, como no meio, atuou em 28 dos 42 jogos do Atlético naquele ano. Apesar disso, o meia começou a temporada de 2013 como reserva, mas acabou ganhando a titularidade da lateral esquerda ao longo da Copa Libertadores. O camisa 20 acabou expulso no jogo de ida da final e viu o alvinegro ser campeão das arquibancadas do Mineirão.

Após conquistar seu segundo título da Libertadores Richarlyson sofreu uma grave lesão no joelho que o impediu de disputar até mesmo o mundial de clubes. Ele fez toda sua recuperação pelo Atlético, mas foi liberado pelo clube assim que ficou saudável novamente. Seu último jogo com a camisa alvinegra foi no dia 07/09/2014, no empate em 1×1 com o Vitória, no Barradão. No total foram 122 jogos, 3 gols e 3 títulos conquistados pelo Galo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco