Galo desiste e “topa” liberar jogador de seleção

0

Diego Godín chegou ao Atlético-MG com grandes expectativas, com passagens por grandes clubes da Europa, o zagueiro chegou à Cidade do Galo com a missão de substituir Júnior Alonso na zaga atleticana.

Apesar disso, um retorno do paraguaio a Minas Gerias por conta da guerra na Rússia, fizeram com que Godín passasse a ter cada vez menos minutos em campo. O zagueiro também demonstrou não estar em sua melhor forma e acabou sendo relegado à condição de terceiro reserva, ficando atrás de Igor Rabello e Réver.

Tendo a Copa do Mundo no fim do ano como seu principal objetivo, o uruguaio tem se mostrado incomodado com a baixa quantidade de minutos que vem recebendo. Em entrevista ao canal da Associação Uruguaia de Futebol, Godín confirmou ter conversado com Cacique Medina, treinador do Vélez Sarsfield, da Argentina, sobre uma possível transferência:

“No momento, não posso assegurar nada. Estou avaliando a situação. Cacique me telefonou, é verdade, é público. Falei com ele. Temos uma boa relação. Nesses últimos dois anos de carreira, tenho priorizado a seleção. […] Agora, o melhor profissionalmente pensando no esportivo para chegar bem no Mundial, vou fazer. Neste momento, dinheiro não me move, nada que não seja a seleção, estar bem para ajudar o grupo. É o meu pensamento hoje.”

De acordo com o portal Goal, a diretoria do Atlético aceitaria liberar Godín e já busca alternativas no mercado para substituí-lo. Segundo à Rádio Itatiaia, o zagueiro Jemerson, ídolo do clube e livre no mercado desde abril, já estaria apalavrado com o clube e deverá ser contratado assim que a janela de transferências do futebol brasileiro reabrir no dia 18/07.

Vontade de Jemerson em retornar ao Galo pode fazer dele o substituto ideal de Godín

Outros clubes também demonstraram interesse na contratação de Jemerson, mas segundo o setorista Fred Augusto, o desejo de voltar ao Galo, clube em que foi revelado, em que é ídolo e por quem tem um carinho especial, foi fundamental para um desfecho positivo para o alvinegro.

Uma vez que a saída de Godín e a chegada de Jemerson forem confirmadas, o Atlético economizará mais ou menos R$200 mil mensais, uma vez que de acordo com Jorge Nicola, o uruguaio recebe R$800 mil e o brasileiro receberá algo entre R$500 mil e R$600 mil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco