Estádio Presidente Antônio Carlos: A antiga casa do Atlético Mineiro

0

Na história do Clube Atlético Mineiro, podemos dar destaque a um período mágico para o clube, a época do Estádio Presidente Antônio Carlos, mais conhecido como Estádio de Lourdes. Lá, o Galo viveu muitas de suas glórias durante quarenta anos, de 1929 até o encerramento das atividades em 1969.

O primeiro duelo oficial do estádio aconteceu diante do Corinthians, em 30 de maio de 1929, vencido pelo Galo de virada pelo placar de 4 a 2.

Início e primeiro triunfo no Estádio de Lourdes

Alfredo Furtado de Mendonça, presidente do Atlético Mineiro na metade dos anos 20, fez uma troca pelo campo, onde até então mandava as suas partidas, por uma indenização e o terreno onde seria construído o Estádio de Lourdes.

Alguns anos depois, o governador de Minas Gerais que emprestou seu nome ao novo estádio, Antônio Carlos, ajudou o clube financeiramente e o estádio deu início às construções. A inauguração aconteceu em maio de 1929, na vitória sobre o Corinthians por 4 a 2.

Estrutura e capacidade do estádio atleticano

Mesmo com capacidade para apenas 5.000 pessoas, o Estádio de Lourdes tinha os degraus de suas arquibancadas feitos de concreto, algo incomum para um estádio no final dos anos 20.

Em agosto de 1930, foi inaugurada a iluminação do estádio, sendo o primeiro estádio de Minas Gerais a contar com iluminação para jogos disputados durante a noite. O evento contou com a presença do então presidente da FIFA, Jules Rimet.

Com a construção do Estádio Independência na cidade de Belo Horizonte em meados dos anos 50, o Estádio de Lourdes acabou ficando obsoleto e o Galo passou a mandar partidas no novo gigante da cidade.

Nos anos 1960, em meio a uma crise financeira, a direção do clube viu a necessidade de vender o estádio à prefeitura. Em 1969 as atividades de futebol profissional foram encerradas. O estádio foi demolido em 1994.

Títulos do Atlético Mineiro no Estádio Presidente Antônio Carlos

Durante os vinte anos em que o Galo teve o Estádio de Lourdes como a sua principal casa, foi campeão mineiro em dez oportunidades (1931, 1932, 1936, 1938, 1939, 1941, 1942, 1946, 1947 e 1949). Com destaque para as edições de 1932, 1938 e 1942 do torneio, quando o Atlético Mineiro foi campeão invicto.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Flamenguistas Não Aguentam E Rejeitam Ídolo Do Atlético-MG Saiba Em Quais Jogos Guilherme Arana Deve Desfalcar O Galo Craque Internacional Deixa O Atlético-MG Na Mão E Se Oferece Para Rival Aceitaria De Volta? Ídolo Do Atlético-MG Está Sem Clube E Pode Voltar De Graça Cuca, Jesus Ou Outro? Torcida Do Galo Elege Favorito Para Substituir El Turco